A gestão do desenvolvimento econômico conflitando com o patrimônio natural e cultural de São Sebastião – SP

Rodrigo de Benedictis Delphino

Resumo


Esta pesquisa, realizada no município de São Sebastião, litoral norte do Estado de São Paulo teve como objetivo estudar o patrimônio natural e cultural. Ambos vêm sendo pressionados, de um lado pelo desenvolvimento econômico do porto, que vem crescendo e destacando-se na região, do outro, pela presença da Petrobrás que se encontra em franca expansão, e também do Turismo desenvolvido especialmente nas praias mais afastadas do centro do município. Destaca-se que o corpus da pesquisa foi construído por conveniência, a partir da indicação do primeiro depoente. Foi adotado o tipo de abordagem qualitativa, baseado nos depoimentos de quatro entrevistados, dois moradores e dois turistas de segunda residência que testemunharam transformações no município. O resultado da pesquisa foi que o patrimônio, tanto natural quanto cultural, está em risco, faltando propostas efetivas de preservação, assim como um planejamento urbanístico e turístico que se adéqüem as necessidades do município.


Palavras-chave


Turismo. Patrimônio cultural. Patrimônio Natural. Planejamento. São Sebastião/SP.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7784/rbtur.v3i2.180

Direitos autorais 2014 Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo

 

Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo
e-ISSN: 1982-6125 -  Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Nacional de Pós-Graduação em Turismo (ANPTUR) - Contatorbtur@anptur.org.br