Competitividade no turismo: Uma comparação entre Brasil e Suíça

  • Maria Gabriela Montanari Universidade de São Paulo
  • Janaina de Moura Engracia Giraldi Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Turismo, Competitividade, Brasil, Suíça.

Resumo

Mesmo com a situação global instável, com a crise na zona do euro, o turismo mundial permaneceu forte e teve um crescimento positivo nos últimos anos. Além disso, essa atividadetem uma grande importância econômica e social que se reflete na sua capacidade de gerar emprego e renda. Dessa maneira, este artigo tem como objetivo analisar a competitividade do setor turístico no Brasil e na Suíça, comparando os dois países por meio dos fatores de competitividade identificados pelo Índice Mundial de Competitividade em Turismo (Travel & Tourism Competitiveness Index - TTCI). Fazendo essa comparação, foi possível perceber que a Suíça é muito mais desenvolvida que o Brasil nesse setor e possui, portanto, muito mais fontes de vantagens competitivas, das quais se destacam a sustentabilidade, a infraestrutura de transportes e os recursos humanos e culturais. O Brasil, por outro lado, tem como grande força os seus recursos naturais, o que não é suficiente para garantir um setor de turismo desenvolvido. Assim, foram obtidas informações que podem colaborar com o setor turístico e com os governos dos dois países para desenvolvimento estratégico de ações e reflexão teórica para pesquisas na área.

Biografia do Autor

Maria Gabriela Montanari, Universidade de São Paulo
Bacharel em Matemática Aplicada a Negócios pela Universidade de São Paulo
Janaina de Moura Engracia Giraldi, Universidade de São Paulo
Professora doutora do Dep. de Administração da FEA-RP/USP
Publicado
13-04-2013
Seção
Artigos