Marketing de lugares: os recifes artificiais multifuncionais como proposta de atração turística

Marco Antonio Moraes Ocke, Ana Akemi Ikeda

Resumo


O marketing de localidade enfoca a utilização das atividades de marketing como forma de alavancar o desenvolvimento socioeconômico de cidades, estados e países e, neste contexto, as atrações de uma determinada localidade são essenciais para o incremento turístico da região. A partir da revisão de literatura dos conceitos e tipologias das atrações, este artigo tem o objetivo de sugerir a convergência dos conceitos de atração natural e atração artificial aplicada aos recifes artificiais multifuncionais e descrever sua natureza híbrida de recuperação de áreas degradadas pela erosão costeira, aumento da biodiversidade marinha e a capacidade de melhoraria na qualidade de ondas para a prática do surfe, resultando em incremento do fluxo turístico para a localidade. A pesquisa utiliza o método de estudo de casos de regiões que investiram na implantação dos recifes artificiais multifuncionais para diferentes propósitos e os resultados apontam para uma dinâmica de possibilidades de implantação destas estruturas no que tange a melhoria de áreas costeiras gerando impacto positivo sobre o turismo e desenvolvimento socioeconômico dessas regiões. Neste contexto, este artigo considera a possibilidade de implantação dos recifes artificiais multifuncionais na costa brasileira como proposta de atrair visitantes e promover benefícios à localidade receptora.

Palavras-chave


Marketing de Localidade; Turismo; Atrações; Recifes Artificiais Multifuncionais.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7784/rbtur.v7i3.519

Direitos autorais 2014 Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo

 

Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo
e-ISSN: 1982-6125 -  Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Nacional de Pós-Graduação em Turismo (ANPTUR) - Contatorbtur@anptur.org.br