Impactos da Volvo Ocean Race – Itajaí Stopover: análise pós-evento da percepção dos residentes da cidade de Itajaí (SC)

Josy Vieira, Carlos Marcelo Ardigó, Hans Peder Behling

Resumo


A Volvo Ocean Race (VOR) é um megaevento mundial, com potencial para atrair público e investimentos para os diferentes países que o recebe, sendo ainda um importante atrativo relacionado ao turismo náutico. Passadas as edições de 2012/2013 e 2014/2015 e as vésperas de sediar uma das etapas da edição 2017/2108 este estudo procurou analisar a percepção dos residentes da cidade de Itajaí (SC), após a realização do Itajaí Stopover (recepção do evento na cidade), em relação aos impactos econômicos, socioculturais e ambientais gerados pela VOR. A metodologia aplicada seguiu um delineamento descritivo, com natureza dos dados predominantemente quantitativa e procedimento survey, aplicado a uma amostra não probabilística de 484 respondentes. Para a análise utilizou-se além da estatística descritiva também o teste ANOVA para identificação de diferenças de média entre perfis diferentes de residentes respondentes. Os resultados apontam que para a maioria dos residentes a VOR proporcionou impactos positivos, independentemente do nível de proximidade de suas residências da Vila da Regata do Itajaí Stopover. Grupos etários, de gênero, níveis de instrução e renda também tendem a perceber de maneira distinta para determinadas variáveis e dimensões analisadas.


Palavras-chave


Eventos Desportivos e Esportivos. Turismo Náutico. Impacto de Eventos. Residentes

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.7784/rbtur.v12i3.1437

Direitos autorais 2018 Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo

 

Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo
e-ISSN: 1982-6125 -  Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Nacional de Pós-Graduação em Turismo (ANPTUR) - Contatorbtur@anptur.org.br