“Navegando à deriva”: notas etnográficas sobre o turismo em Ilhéus, Bahia

  • Roque Pinto Deparatamento de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Ilhéus, Bahia, Brasil
Palavras-chave: Turismo. Ilhéus. Bahia. Desenvolvimento. Brasil.

Resumo

Este texto se propõe a discutir alguns aspectos relacionados à atividade turística na cidade de Ilhéus, localizada no litoral sul da Bahia, centrando-se especialmente nas relações que os empresários ligados à atividade turística estabelecem com o lugar e de que modo tais relações influenciam o próprio sistema turístico local. As investigações foram norteadas por uma metodologia qualitativa, baseada na coleta de dados com vistas à descrição etnográfica. Utilizou-se como técnicas de investigação a observação participante, a aplicação de entrevistas semiestruturadas e não-estruturadas junto a usuários e gestores públicos e privados e a aplicação de questionários em estabelecimentos de alojamento. De acordo com os resultados da investigação, o gap entre os recursos disponíveis e os atrativos efetivamente formatados para o turismo na cidade, bem como a incipiência das ações públicas e as deficiências do setor privado no turismo local representam apenas sintomas – e não causas – de um problema cujo fulcro se encontra na invisibilidade do turismo enquanto atividade produtiva e vetor de desenvolvimento sócio-econômico desde o ponto de vista do poder público.

Biografia do Autor

Roque Pinto, Deparatamento de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Ilhéus, Bahia, Brasil
É graduado e mestre em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia, Brasil, e DEA em Antropologia pela Universidad de La Laguna, Tenerife, Espanha. Membro ativo na categoria Investigador dos Grupos de Pesquisa "O Som do Lugar e o Mundo" e "Cultura, Cidade e Democracia: Sociabilidade, Representações e Movimentos Sociais", ambos certificados pela Universidade Federal da Bahia. É professor de Antropologia da Universidade Estadual de Santa Cruz, Ilhéus, Brasil, doutorando em Antropologia pela Universidad de La Laguna e atualmente desenvolve trabalhos na área de Antropologia Urbana, especialmente relacionados à temática do Turismo e Identidade, além de investigações nas interfaces entre Literatura e Antropologia (currículo atualizado em 03/02/2009). CV Lattes: http://lattes.cnpq.br/5454196889335875
Publicado
01-12-2008
Seção
Artigos