O papel da mulher no turismo rural: um estudo no circuito Rajadinha de Planaltina - Distrito Federal

  • Donária Coelho Duarte Universidade de Brasília
  • Ana Darc Jesus Pereira Universidade de Brasília
Palavras-chave: Turismo no Espaço Rural. Turismo Rural. Estudos de Gênero.

Resumo

Este estudo objetiva investigar a realidade das mulheres que trabalham no turismo rural da região de Planaltina-DF. Contribui, portanto, para a temática gênero e turismo, sobremaneira, relacionando ao turismo rural. Este, enquanto submodalidade do Turismo no Espaço Rural (TER), surge como segmento do campo e integra a gama de atividades não agrícolas que passaram a ser desenvolvidas no campo nos últimos anos como estratégia de manutenção e sobrevivência. Simultânea a essas mudanças funcionais do espaço rural, observam-se novas formas de organização da vida familiar, no qual a proximidade entre as tarefas realizadas no ambiente doméstico com a atividade turística no meio rural permite a reestruturação das funções e da divisão de trabalho entre gêneros. Dessa forma, este estudo foi realizado no Circuito Rajadinha, Projeto criado em 2014 na região de Planaltina-DF. Das 10 propriedades que compõem o Circuito, oito participaram do estudo e dessas 10 mulheres foram investigadas.  Este trabalho caracteriza-se como estudo de caso de cunho qualitativo. Aplicou-se um roteiro de entrevista semi-estruturado na busca de entender a realidade das mulheres que atuam diretamente no desenvolvimento do turismo rural no Circuito. Constatou-se que o turismo rural promovido estabelece uma relação positiva entre mulheres e homens envolvidos. Observou-se que no Circuito a mão de obra feminina não é vista apenas como atividade complementar, mas atua como elemento essencial para a manutenção do turismo rural nas propriedades investigadas e assume papel principal desse cenário rural.

Biografia do Autor

Donária Coelho Duarte, Universidade de Brasília
Possui graduação em Ciencias da Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina (1995), mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (1998) e doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005) sobre turismo acessível. Atualmente é Professora Adjunta da Universidade de Brasília, lecionando no Mestrado do Centro de Excelência em Turismo (CET) e na graduação no Curso Gestão de Agronegócios UnB - Unidade Planaltina. Sua linha de pesquisa inclui os seguintes temas: comunidades de prática e turismo acessível.
Ana Darc Jesus Pereira, Universidade de Brasília
Possui ensino medio (segundo-grau) pelo Centro de Ensino Medio 02- Planaltina DF(2011). Graduanda do Curso de Gestão em Agronegócios da Universidade de Brasília e atualmente é estagiária de Nível Superior da Centrais Elétricas do Norte do Brasil. 
Publicado
13-11-2018