O processo participativo no planejamento turístico do espaço rural de Alfredo Wagner/SC

  • Carlos Loch Universidade Federal de Santa Catarina
  • Marinês da Conceição Walkowski
Palavras-chave: Processo Participativo. Planejamento Turístico. Planejamento Municipal

Resumo

O presente artigo é resultado de uma Dissertação de Mestrado que teve como tema principal o planejamento participativo como instrumento do planejamento turístico do Município de Alfredo Wagner-SC. Este estudo se justifica ao identificar as modificações no espaço rural do Município, onde os agricultores têm enfrentando dificuldades na geração de renda e buscam dinamizar as atividades agrícolas e não-agrícolas por meio do turismo. O objetivo deste artigo é analisar o processo participativo, visando mobilizar e sensibilizar os agricultores e agentes locais para o interesse turístico, sendo a participação um fator indispensável no planejamento turístico. Para tanto, a metodologia será uma pesquisa exploratória, a fim de descrever as características do Município e realizar um levantamento bibliográfico sobre o tema proposto. Como resultado desta pesquisa, foi observado, a falta de diálogo entre os principais órgãos públicos e a necessidade de buscar parcerias com a iniciativa privada. Contudo, foi possível mobilizar e sensibilizar os envolvidos por meio de uma análise da situação atual e futura, identificando as principais necessidades para o desenvolvimentoturístico no Município.

Biografia do Autor

Carlos Loch, Universidade Federal de Santa Catarina
Possui graduação em Engenharia de Agrimensura pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (1979), mestrado em Ciências Geodésicas pela Universidade Federal do Paraná (1982) e doutorado em Engenharia Florestal pela Universidade Federal do Paraná (1988). Atualmente é consultor ad hoch de varias revistas, entre elas, da Universidade Federal de Viçosa, consultor ad hoch da Universidade do Estado de Santa Catarina, consultor ad-hoc da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, membro titualr da comissão de cadastro e gestão territorial da Sociedade Brasileira de Cartografia, diretor executivo da Rede de Tecnologia Aeroespacial e Cartografica, representante estrangeiro - Deutsche Geodätische Kommission e professor titular da Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Cadastro Técnico Multifinalitário e Gestão Territorial, atuando principalmente nos seguintes temas: cadastro técnico multifinalitário, cadastro e planejamento urbano, geoprocesamento como ferramenta de gestão ambi, cadastro multifinalitario/ novas tecnologias e cadastro técnico multifinalitário. CV Lattes: http://lattes.cnpq.br/1573696350142408
Marinês da Conceição Walkowski
Bacharel em Turismo pela Faculdade Estácio de Sá de Santa Catarina (2005) e Mestre em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (2008). Foi Monitora em planejamento turístico durante a graduação e representante do corpo discente de turismo. Tem experiência na área de Turismo, com ênfase em planejamento estratégico em Municípios rurais e organização de eventos. Estagiou no Município de Alfredo Wagner desde 2003 e atualmente, atua como consultora prestando assistência técnica para o planejamento turístico no referido Município. CV Lattes: http://lattes.cnpq.br/7717325077742830
Publicado
17-06-2009
Seção
Artigos